Header Ad

Modelo do governo para estimar deficit previdenciário contém erros, diz professor

30 de novembro de -0001
31 Visualizações

O modelo de previsão usado pelo governo para estimar os deficits previdenciários é sistematicamente enviesado e contém erros que torna indeterminada a evolução financeira do sistema previdenciário.

A avaliação foi feita há pouco pelo professor da Faculdade de Economia da Universidade Federal do Pará, Cláudio Puty. Ele participa de audiência pública na comissão especial que analisa a reforma da Previdência (PEC 287/16).

Puty, que é ex-deputado federal, usou dados das leis de diretrizes orçamentárias desde 2002. A Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar 101/00) obriga que a LDO anual traga informações financeiras sobre as previdências pública e privada (RPPS e RGPS).

Ele afirmou aos deputados que os dados apresentados pelo governo sempre projetam despesas menores do que o realizado. A exceção é a LDO de 2017, que traz dados bastante negativos sobre o sistema que, segundo ele, objetivam justificar a reforma enviada pelo governo.

“O problema central é: nós temos um baixo grau de eficácia nas nossas previsões que não é admitido pelo governo”, disse Puty.

Ele sugeriu um grau maior de institucionalização das informações previdenciárias para garantir a transparência dos dados.

O debate acontece no plenário 2.

Mais informações a seguir

Assista também no canal da Câmara dos Deputados no YouTube

RECOMENDAMOS

Brasil
0 shares15 views

Picciani, Melo e Albertassi deixam prisão, mas têm bens bloqueados pelo TRF2

CONEWS - nov 17, 2017

A decisão da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) de mandar soltar os deputados Jorge Picciani, Paulo Melo e…

Brasil
0 shares15 views

Reunião para criar Iniciativa Sul-Americana de Segurança será na Argentina

CONEWS - nov 17, 2017

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, disse hoje (17) em Washington que a proposta brasileira de criar uma Iniciativa Sul-Americana…

Cratera aberta em Petrópolis será fechada com 2,5 mil toneladas de pó de pedra
Brasil
0 shares22 views
Brasil
0 shares22 views

Cratera aberta em Petrópolis será fechada com 2,5 mil toneladas de pó de pedra

CONEWS - nov 17, 2017

A Secretaria de Defesa Civil de Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, acompanha o serviço de preenchimento da…

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.