Header Ad

Governo contribuirá para término da obra do Instituto Lions da Visão

30 de novembro de -0001
15 Visualizações

O governador Pedro Taques reafirmou, em reunião com a diretoria do Lions Club Internacional de Mato Grosso, nesta quinta-feira (16.03), seu apoio à construção do hospital do Instituto Lions da Visão. A obra, que fica ao lado do Hospital do Câncer de Cuiabá, foi iniciada em 2011 e, desde 2013, está paralizada por falta de recursos.

“Estive lá quando era senador e, agora como governador, reforço que esta obra é importante para Mato Grosso. Nós queremos que o Lions tenha maior participação nas ações de governo. Os secretários de Estado da Casa Civil e de Saúde já estão articulando para que este trabalho prossiga”, declarou o governador.

O presidente do Lions Club, Whady Lacerda, considera o apoio do Poder Executivo como essencial para que mais cidadãos sejam atendidos. “Hoje nós atendemos cerca de duas mil e quinhentas pessoas por mês, entre consultas e cirurgias oftalmológicas. Vamos ampliar agora, com o apoio do governador e seus secretários para melhorarmos”, considerou Whady.

Segundo o presidente, para arcar com o custo da obra, o Instituto conta também com a ajuda dos 24 deputados estaduais, que destinaram suas emendas parlamentares, no valor de 100 mil reais, totalizando R$ 2,3 milhões para a construção do hospital.

“As emendas já foram pagas pelo Governo Estadual. Agora é aguardarmos a liberação do dinheiro para inaugurarmos o hospital. Nossa intenção é que seja em outubro deste ano, dentro da programação para comemorarmos o nosso centenário”, afirmou.

O deputado estadual Dilmar Dal Bosco, responsável por esta articulação na Assembleia Legislativa, agradeceu o esforço e a parceria do governador Pedro Taques ao contribuir com o Instituto Lions. “Assim a gente termina esta obra tão importante que representa um importante legado do Lions da Visão em Mato Grosso e no Brasil, em data comemorativa ao centenário do Lions”, disse.

Lions Clubes

Desde 1917, os Lions Clubes vêm oferecendo às pessoas a oportunidade de trabalhar para suas comunidades. Do envolvimento dos sócios em projetos locais, como a limpeza de um parque, a projetos de maior alcance, como combater a cegueira no mundo, os Lions Clubes sempre acolheram as pessoas comprometidas em construir um futuro melhor em suas comunidades. 

Hoje, com mais de 45.000 clubes, aproximadamente, em 200 países e regiões, o Lions expandiu seu foco para ajudar a atender às necessidades cada vez maiores da comunidade global. Seus programas são modificados continuamente para atender a novas necessidades e demandas maiores, mas sua missão nunca mudou: “Nós servimos”. 

Instituto Lions da Visão

No ano de 1999, em parceria com a AMCC, Governo do Estado de Mato Grosso e Lions Internacional Fundation, nascia a Fundação Lions de Combate ao Câncer, entidade Filantrópica, com estrutura hospitalar, especializada em doenças oncológicas. Com espaço de sobra, foi incluída mais uma especialidade, a ala de oftalmologia, onde se realizavam somente cirurgias de cataratas oriundas de mutirões do SUS.

Com o crescimento da demanda de pacientes com problemas oculares, o bom atendimento, ótimos resultados cirúrgicos, especialidade de difícil acesso ao pobre, à diretoria do Lions viu por bem criar um serviço especializado na área de oftalmologia, desmembrando assim os serviços da Fundação, uma vez que o foco principal do Lions é o combate à cegueira.

Em julho de 2000, o Distrito LB-4 de Lions Clubes, criou o Instituto Lions da Visão, entidade beneficente, assistencial, pessoa jurídica de direito privado, filantrópica, sem fins lucrativos que atua na área da saúde, com especialidade em atendimento oftalmológico, que se propõe a prestar esse tipo de atendimento de forma gratuita às pessoas de baixa renda. O Instituto congrega os sócios dos 60 Lions Clubes, de 57 municípios do Estado de Mato Grosso.

O Instituto tem sido contemplado, desde sua fundação, no ano de 2000, com recursos financeiros governamentais suficientes para dar suporte às despesas operacionais, recursos esses provenientes de fonte orçamentária federal denominada “Fundo de Ações Estratégicas e Compensação” (FAEC). Com recursos locais e trabalho voluntário do associado do Lions, o Instituto oferece gratuitamente todo o tipo de assistência aos pacientes mais necessitados: óculos, lanches, roupas, medicamentos, etc. Também aos pacientes residentes fora de Cuiabá são oferecidos gratuitamente alojamento e alimentação. 

Não se incluem no atendimento do Instituto Lions da Visão, clientes particulares ou pessoas que dispõem de assistência médica através de seguro de saúde, convênios ou planos de saúde etc. O objetivo central desta Instituição é a promoção social do carente e o necessitado na área de oftalmologia, conforme dispõe o artigo primeiro de seu Estatuto.

RECOMENDAMOS

Festival de Brasília anuncia vencedores neste domingo
Brasil
0 shares48 views
Brasil
0 shares48 views

Festival de Brasília anuncia vencedores neste domingo

CONEWS - set 24, 2017

Os vencedores do 50º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro serão anunciados hoje (24), durante a cerimônia de encerramento do…

Governo do Rio anuncia criação de Fundo de Segurança com royalties do pré-sal
Brasil
0 shares12 views
Brasil
0 shares12 views

Governo do Rio anuncia criação de Fundo de Segurança com royalties do pré-sal

CONEWS - set 24, 2017

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, anunciou hoje (24) a criação do Fundo de Segurança, que terá…

Mesmo poluída, Baía de Guanabara é fonte de renda para milhares de pescadores
Brasil
0 shares16 views
Brasil
0 shares16 views

Mesmo poluída, Baía de Guanabara é fonte de renda para milhares de pescadores

CONEWS - set 24, 2017

Aos 67 anos, Sérgio Souza dos Santos, pescador há 58 anos, lembra com saudades dos bons tempos de pesca na…

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.