Header Ad

Comentarista crê que partida contra a Chape liga “sinal de alerta” no Cruzeiro

30 de novembro de -0001
44 Visualizações

A partida entre a equipe mista do Cruzeiro e os reservas da Chapecoense, pela Copa do Brasil, até terminou com vitória da Raposa por 1 a 0, mas a atuação não agradou nem mesmo o técnico Mano Menezes, que considerou o resultado como “uma goleada”. Durante o “Troca de Passes” da última quarta-feira, o comentarista Henrique Fernandes seguiu a visão colocada por Mano e afirmou que faltou produção ofensiva à equipe Celeste, especialmente pensando na segunda partida da decisão do estadual, contra o Atlético Mineiro (assista ao vídeo acima).

– É importante ter mais produção ofensiva, faltou isso no jogo de hoje, porque o Cruzeiro precisa vencer o Atlético no domingo. Se não vencer, não vai ser campeão, então é um jogo sim que liga o sinal de alerta – considerou. 

O analista também comparou a exibição contra a Chapecoense com o primeiro confronto da final do Mineiro, que terminou em 0 a 0. Para ele, apesar do volume de jogo do Cruzeiro, quem teve boas chances foi o Atlético, fato que gera preocupação.

– Eu acho que a chance na cara, a chance boa mesmo quem teve foi o Atlético. É isso que incomoda. O Cruzeiro teve volume, alugou o meio campo, teve posse, mas chance no jogo mesmo foi o Atlético – afirmou.

Apesar de ter concordado com o treinador da Raposa em relação ao nível de jogo da equipe, Henrique Fernandes acredita que Mano Menezes pretende desvincular a má atuação da próxima partida, por pensar que esta poderia gerar um impacto negativo. Além disso, analisou a partida e afirmou que ficou surpreso por não ter visto a Chapecoense empatar o jogo.

– O Mano tenta desvincular esse jogo do de domingo porque sabe que esse pode ter um impacto no de domingo. Era um time do Cruzeiro cheio de reservas contra uma Chapecoense toda reserva, também em meio a decisão do estadual. (…) A gente acompanhou a partida, o Cruzeiro realmente abriu o placar muito cedo, mas eu não sei te explicar como a Chapecoense não empatou, pela pressão que conseguiu impor ao Cruzeiro da metade do segundo tempo para a frente. Ao tempo todo o Cruzeiro sem saída, sem dificuldade, mesmo com a entrada dos jogadores que são titulares, realmente o time não conseguiu ter uma melhora – complementou.

O Cruzeiro precisará preparar bem seu setor ofensivo se quiser sair com a vitória. Só o resultado positivo serve para a Raposa, que entra em campo pela partida decisiva contra o Galo às 16h do próximo domingo.

Veja também:> Dedé e Raniel salvam noite do Cruzeiro e viram opções para o clássico de domingo

RECOMENDAMOS

Brasil
0 shares17 views

Delegado pede que traficantes encurralados na Rocinha se entreguem

CONEWS - set 22, 2017

O delegado Antônio Ricardo Lima Nunes, titular da 11º Delegacia de Polícia, que abrange a Rocinha, fez um apelo, na…

Forças Armadas montam estrutura na mata para prender criminosos na Rocinha
Brasil
0 shares20 views
Brasil
0 shares20 views

Forças Armadas montam estrutura na mata para prender criminosos na Rocinha

CONEWS - set 22, 2017

Segundo Rossatto, diferentemente das outras ações das Forças Armadas no Rio, desta vez as tropas estão atuando nos acessos à…

Crivella lamenta situação de medo e insegurança de moradores da Rocinha
Brasil
0 shares24 views
Brasil
0 shares24 views

Crivella lamenta situação de medo e insegurança de moradores da Rocinha

CONEWS - set 22, 2017

Crivella diz que a prefeitura vai contribuir com o que for possível no combate à violênciaArquivo/Tomaz Silva/Agência BrasilO prefeito lembrou…

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.