Header Ad

Justiça determina dispensa de taxa para residência temporária de venezuelanos

30 de novembro de -0001
65 Visualizações

A Justiça Federal acatou pedido do Ministério Público Federal em Roraima (MPF/RR) e da Defensoria Pública da União (DPU) e determinou a dispensa do pagamento das taxas cobradas pela União para a concessão de autorização de residência temporária a venezuelanos que migraram ao Brasil. Atualmente é cobrada a taxa R$ 311,22, por pessoa, para acesso à residência temporária de dois anos

Na decisão, o juiz federal Igor Itapary Pinheiro ressaltou que um grande número de venezuelanos, entre as quais indígenas e crianças, tem migrado para Roraima, muitos com histórias trágicas de fome. Somente neste ano, a Superintendência da Polícia Federal registrou mais de 5 mil pedidos de refúgio.

Pinheiro destaca que para regularizar a situação no Brasil, a maioria dos migrantes tem optado por pleitear o reconhecimento da condição de refugiado, o que tem sobrecarregado o Comitê Nacional para os Refugiados, órgão responsável por analisar os pedidos e declarar o reconhecimento.

O benefício deverá ser concedido apenas aos estrangeiros carentes, que tenham ingressado no território brasileiro por via terrestre e sejam nacionais de país fronteiriço, para o qual ainda não esteja em vigor o Acordo de Residência para Nacionais dos Estados Partes do Mercosul e países associados. Como prova da vulnerabilidade econômica, conforme a decisão, será aceita declaração de hipossuficiência – salvo se existir prova que indique não se tratar de pessoa carente.

O descumprimento gera multa diária no valor de R$ 5 mil por pedido indevidamente condicionado ao pagamento de taxa. Até o momento, a Secretaria Nacional de Justiça não foi notificada formalmente da decisão. A área é responsável, dentro do Ministério da Justiça e Segurança Pública, pelo ingresso do estrangeiro e a permanência no Brasil.

 

RECOMENDAMOS

Brasil
0 shares28 views

Temer: se reforma da Previdência não for votada este ano, será no início de 2018

CONEWS - dez 10, 2017

O presidente Michel Temer disse neste domingo (10) que a reforma da Previdência será aprovada, se não em 2017, "no…

Senado fará esforço concentrado para votar propostas às vésperas do recesso
Brasil
0 shares26 views
Brasil
0 shares26 views

Senado fará esforço concentrado para votar propostas às vésperas do recesso

CONEWS - dez 10, 2017

Às vésperas do recesso legislativo, que oficialmente começa no dia 23, os próximos 10 dias úteis de trabalho no Senado…

Brasil deixou recessão para trás, diz Temer na Argentina
Brasil
0 shares27 views
Brasil
0 shares27 views

Brasil deixou recessão para trás, diz Temer na Argentina

CONEWS - dez 10, 2017

O presidente Michel Temer declarou neste domingo (10) que a economia do Brasil deixou a recessão para trás com a…

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.