Header Ad

Caminhão que derrubou parte de viaduto em SP tinha altura acima do limite

30 de novembro de -0001
45 Visualizações

O caminhão que provocou a queda de pedaços de um viaduto que levaram à morte de uma mulher neste domingo (19), em São Paulo, tinha altura maior que a permitida para circular no local. De acordo com a prefeitura de São Paulo, a sinalização indica que veículos de no máximo 4,30 metros podem passar sob o viaduto, mas que o caminhão envolvido no acidente tinha 4,46 metros.

O acidente ocorreu na Avenida do Estado, no bairro do Pari, na zona leste da cidade da capital paulista. O caminhão trafegava sob o viaduto quando, segundo a prefeitura, “atingiu um pórtico por onde passa o sistema de sinalização da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos”.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado no 8º Distrito Policial, pedaços da viga de concreto foram arrancadas e caíram sobre o teto de um veículo Honda, ferindo a juíza Adriana Nolasco da Silva, de 46 anos, que estava no banco do passageiro. O motorista do carro não chegou a ser atingido. A vítima foi levada para a Santa Casa e, depois transferida para o Hospital das Clínicas, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O condutor do caminhão disse à polícia que seguia o itinerário determinado pela empresa para a qual trabalha e que, ao passar sob o viaduto, percebeu que parte da estrutura havia cedido e atingido o carro ao lado. Ele deve responder a processo por lesão corporal culposa. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o tacógrafo do veículo foi recolhido para perícia pelo Instituto de Criminalística.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) multou o motorista do caminhão e apreendeu o veículo com base no Artigo 230 do Código de Trânsito Brasileiro. “O veículo também não portava uma Autorização Especial de Trânsito, documento obrigatório para carros que ultrapassam a altura limite de 4,40m, permitida para circular dentro da cidade”, diz o comunicado da prefeitura.

Após vistorias no local, a prefeitura informou que não foi constatado qualquer problema estrutural no viaduto. O tráfego na via foi liberado hoje (20) por volta das 12h.

RECOMENDAMOS

Brasil
0 shares32 views

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira

CONEWS - dez 15, 2017

O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação…

Brasil
0 shares28 views

Gilmar Mendes prevê dificuldades com fake news nas eleições de 2018

CONEWS - dez 15, 2017

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, previu que as eleições de 2018 serão um desafio para…

Brasil
0 shares34 views

Raquel Dodge se manifesta contra lei que deu status de ministro a Moreira Franco

CONEWS - dez 15, 2017

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) parecer em que se manifesta contra a lei…

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.